>







Emoção de Poeta

Que minhas palavras
sufocadas na garganta
sem poder se libertar em
gritos de amor, rasgando o silêncio
deste meu amar,
possam em escrita, libertar
este desejo alucinante de te amar..

Sem nada poder falar,
escrevo hoje, movida pela emoção
que habita a alma de um Poeta,
para contar do incontrolável desejo
de sentir teu toque, teu carinho.. teu Amar..
neste meu sonho de tal profundidade d'alma
quase se tornando real..


Meus desejos, não só de Poeta,
mas de alma que clama pelo teu amor, pelo teu calor,
nasce como uma flor, semente, botão, abrindo-se
pétala por pétala , expondo todo o meu
incontrolável desejo em te Amar..

Na solidão deste meu poetar,
busco sufocar o gemido de dor,
causado pela carência de teu amor,
mas não reprimo as letras que querem
no papel dizer,
Amo-te , amor meu ..!!

E..
no silêncio da solidão de um Poeta,
continuo eu.. sonhando e fazendo sonhar..
alguns corações apaixonados que
sufocam na garganta
seu grito de Amor!!!


Autora Thais S Francisco    
Direitos @utorais Reservados    


 



Clique aqui para enviar este Poema